Playtech vende todas as ações da Plus500

Em uma tentativa de angariar fundos, a empresa de casino online e jogos digitais Playtech vendeu suas ações da maior plataforma online de negociação, a Plus500. Os 10% em ações da empresa renderam a soma imponente de US$ 220 milhões, que será redirecionada para o refinanciamento da dívida da empresa.

Segundo analistas, a venda não foi uma jogada inesperada, já que a empresa solicitou o refinanciamento de uma dívida de cerca de US$ 1,1 bilhões. A empresa precisa de fundos para o refinanciamento dessa dívida resultante da aquisição da Snaitech, uma empresa italiana de apostas.

A decisão da empresa e a subsequente venda das ações resultou em uma queda de 5% no valor das ações da Plus500. Em uma declaração emitida pela Playtech, a empresa confirmou a venda de 11 milhões de ações da plataforma de negociação.  Os relatórios da empresa para o primeiro e segundo trimestre de 2018 mostraram uma queda de 38% no lucro líquido. Isso resultou em uma baixa de quatro anos no preço das ações. A companhia credita isso ao baixo desempenho no mercado asiático.

Plus500 em foco

Enquanto a Playtech enfrenta um ano de quedas, a Plus500 já ajustou suas expectativas de lucro duas vezes esse ano. A plataforma oferece negociação online para contratos por diferença. Porém, já avisou a seus investidores que é improvável que o desempenho do primeiro semestre deste ano se repita. O preço das ações da empresa subiu em 90% desde o início do ano, resultando em uma nova classificação como FTSE250 na Bolsa de Valores de Londres;

Cinco fundadores da empresa revelaram planos de vender algumas ações da Plus500 pelo mesmo preço. Aparentemente, a motivação foi a alta demanda de certos investidores e uma estratégia para diversificar o portfólio de investimentos.

A Playtech declarou que as duas vendas não estão relacionadas. Os novos acionistas da Plus500 ainda não foram identificados.

Snaitech compõe o problema de fluxo de caixa

A Snaitech é a maior empresa de jogos e apostas da Itália. A proposta da Playtech para adquirir ações majoritárias da Snaitech foi finalizada em agosto. Em comunicado de imprensa, a empresa declarou acreditar que a união dos dois líderes da indústria será ótima para o mercado de apostas italiano.

A líder italiana finalmente declarou lucros em 2017, pela primeira vez em dez anos. O CEO da empresa expressou estar animado com a nova empreitada. Seu plano é contar com o apoio da Playtech para fortalecer a empresa.

O grupo está listado na Bolsa de Valores de Milão como Snai e é licenciado pela Autoridade Italiana Antimonopólio para oferecer certos tipos de entretenimento. A empresa oferece apostas esportivas e em corrida de cavalos, esportes virtuais, jogos online e tem uma rede de apostas individuais gigantesca.

Informações finais sobre a estrutura da aquisição e o refinanciamento da dívida serão divulgadas assim que possível.

Fonte:

https://calvinayre.com

Postado por Joel Howell
2018-09-12