Quadrilha criminosa frauda máquinas de slots

Quatro indivíduos europeus identificados como hackers foram presos na Bulgária depois que a Direção Geral de Combate ao Crime Organizado (GDCOC) descobriu que eles haviam conseguido uma fraude complexa envolvendo máquinas de slots locais.

Os criminosos conseguiram fraudar cassinos e casas de apostas em todo o país com grandes somas de dinheiro, hackeando suas máquinas de slots e adulterando seus algoritmos. A operação que descobriu o golpe foi liderada pela unidade de cibercrime da GDCOC e revelou que os quatro indivíduos haviam desenvolvido um esquema sofisticado pelo qual acessavam remotamente as máquinas de jogos nos cassinos búlgaros.

Máquinas de slots acessadas remotamente

Através desse acesso remoto, os criminosos eram capazes de manipular os resultados dos jogos de slots com dinheiro real, gerando enormes lucros. Cada indivíduo tinha um papel particular no esquema: um simulava jogar os slots, enquanto os outros acessavam remotamente as máquinas e alteravam seus resultados.

Um membro também tinha que proteger esse acesso remoto para controlar as máquinas, enquanto o último dos indivíduos era designado a criar dispositivos eletrônicos que poderiam manipular remotamente o software das máquinas de slots, permitindo que lucrassem às custas dos cassinos.

Todos os quatro criminosos foram presos pouco depois de hackearem as máquinas de slots e coletarem seus ganhos ilícitos em outro cassino búlgaro. Durante a prisão, a GDCOC apreendeu uma grande soma de dinheiro e vários dispositivos eletrônicos usados ​​pelo grupo criminoso para adulterar as máquinas de jogos. Os criminosos já estão detidos e serão encaminhados a instituições judiciais para serem julgados de acordo com as leis locais.

Cassinos: vítimas comuns de fraudes

Esses criminosos podem ter usado um esquema particularmente avançado para fraudar os cassinos, mas o incidente não é de forma alguma um caso isolado. Em 2012, descobriu-se que uma quadrilha do crime organizado em Nova Iorque, entre 50 e 70 indivíduos, desenvolveu uma fraude na roleta e roubou milhões de cassinos nos EUA antes de ser detida em Ohio.

O golpe envolvia “jogadores” (membros do grupo) que entravam em um jogo de roleta com apostas muito baixas, enquanto alguns deles embolsavam fichas de uma determinada cor e um outro distraía o crupiê. O jogador com as fichas então pedia licença da mesa e as entregava a outro membro da quadrilha, o que permitia que os jogadores usassem fichas roubadas de valores mais altos para jogar nas mesas de roleta, permitindo que eles sacassem com uma taxa mais alta.

A quadrilha criminosa agiu durante anos, antes de ser descoberta em Ohio. De acordo com a Ohio Casino Control Commission, os membros do grupo coletaram entre US$ 1.000 e US$ 2.000 por golpe nos cassinos do seu estado, embora seja difícil identificar o total exato que a quadrilha conseguiu fraudar dos cassinos nos EUA.

Fonte:

http://www.casinonewsdaily.com/2018/03/20/bulgarian-slot-machine-hackers-arrested-after-pulling-off-sophisticated-scam/

Postado por Joel Howell
2018-03-23